terça-feira, 17 de novembro de 2009

PERESKIANOS - VOCÊ SABE QUEM SÃO E O QUE FAZEM?


Vou mais além, você sabe o que é uma Peréskia aculeata?

Pereskias são cactáceas, ou seja, cactos, que se desenvolveram na forma de trepadeiras. Existe quase uma centena de espécies e variedades. Só algumas delas tem as propriedades da Aculeata, que é ser comestível, para humanos e animais e ter vitaminas e sais minerais importantes para nutrição, alem de diversas propriedades medicinais. O sabor de suas folhas lembra o da ervilha torta, ou orelha-de-padre.
Pereskias com propriedades similares à Aculeata, tem folhas com cores variadas, mas seus frutos são parecidos com os desta. Algumas com flores brancas e amarelas, outras brancas e vermelhas ou totalmente vermelhas, muito parecidas com flor de maracujá. Os frutos, na cor amarela, laranja ou vermelha, como um pequeno limão, curiosamente com folhas e até finos espinhos no próprio fruto, assim como ocorre no figo da índia.
Suas folhas são muito suculentas, as flores aparecem em profusão e seu fruto é pequeno, do tamanho de uma acerola.







Suas folhas e flores conteem cerca de 25% de proteína digestível, facilmente aproveitável pelo organismo, em quantidade equivalente à carne do boi. Por isso é chamada popularmente de “carne verde” ou “carne-do-pobre”. Suas folhas e flores contem vitaminas A e B, e ferro, cálcio e fósforo. Seus frutos são ricos em vitamina C. Tem proteína em quantidade que é 15 vezes maior que no couve, 20 vezes maior que na alface, 10 vezes maior que no espinafre, três vezes maior que no milho, 30% maior que no feijão.
São consumíveis, as folhas, as flores e os frutos. Folhas ou flores, em saladas, refogadas, em omeletes, tortas. São ingredientes para fazer o macarrão verde. Podem ser cozidas, com o feijão, o angu ou para fazer molho para macarronadas, lasanhas, ou outros. Podem ser utilizadas em sucos e vitaminas, junto com laranja, maçã, beterraba, etc. As folhas substituem o quiabo em alguns pratos da culinária mineira e baiana. Os frutos podem ser utilizados em sucos. As folhas podem ser utilizadas para alimentação de aves e pequenos animais (galinhas, pássaros, coelhos, etc.).GRANJA PARAISO

Já fizemos vários posts sobre a peréskia aculeata, ela já está se tornando famosa, é o tão falado ORA PRO NÓBIS, um dos carros chefes da tradicional cozinha mineira e que vem conquistando cada vez mais adeptos devido ao seu alto valor nutricional, excelente sabor, além da rusticidade e fácil manejo.

Resumindo, pereskiano é todo aquele que divulga as qualidades da peréskia aculeata e faz também pesquisas e distribuí mudas, sementes e estaquias para a disseminação desta planta tão útil e que pode seguramente, erradicar a fome crônica que existe em nosso país. Conheçam aqui a história da Srª Ioshiko uma das pereskianas mais apaixonadas que tive o prazer de conhecer, bendita internet...



Sempre tive a mania de procurar nas plantas, alívio para alguns males. Sobre plantas medicinais, venho pesquisando há muito tempo. Desde que meu pai faleceu de câncer gástrico, em 1985, a minha mãe tinha muitos problemas de saúde, ela faleceu de Mal de Alzheimer e complicações de osteoporose em 1997. Eu me perguntava porque a medicina não tem cura para muitos males. Receitam medicamentos de terríveis efeitos colaterais, e ainda dizem que não tem cura. Ficou na memória, ainda adolescente, o meu pai dizia (ele lia jornal japonês,naquela época já se falava que consumir verduras e legumes era saudável) que se a gente consumir todas as verduras e legumes, teríamos abastecido nosso organismo com todos nutrientes necessários para a nossa saúde. A minha mãe também, falava do jornal, que a cor amarela, da abóbora, o verde de outras plantas, que cresceram ao sol, tinha muitos nutrientes necessários à nossa saúde. Então, sempre li sobre saúde com comida natural.
Agora, com a Internet, as informações são em tempo real. Hoje, todos reconhecem que legumes, verduras, cereais, sementes, frutas são nossos melhores remédios. Sou uma pessoa de compleição fraca, mas, só vou ao médico para pedir alguns exames de rotina. Sou da Terceira Idade, alguns medicamentos que deveria usar, eu supro com suplementos escolhidos por mim, sempre de plantas.Assino a revista "Saúde é vital!", pesquiso na Internet. Foi assim que, por acaso, vi a matéria sobre Ora Pro Nobis (pereskia aculeata).
Nunca ouvira falar dela, acabei achando, de tanto procurar, com isso, encontrei muitos colecionadores da pereskia, se intitulam "pereskianos".Gostei, e a cada dia, fui me embrenhando no trabalho de disseminadora de pereskias. Ela é uma planta de mil utilidades, quem a conhece, se apaixona, e estava distribuindo mudas, receitas, ensinando Casas da Sopa a cultivar e a consumir o pão verde, estava muito feliz, com muitos me apoiando.Plantar e colher só para a gente, é um ato mecânico. De repente, veio a dengue, foi um transtorno. Meu lindo trabalho quase parou. Doar produz uma sensação de felicidade.




Mudas que venho doando: Ora Pro Nobis, que é o "carro-chefe".Plantamos mil estacas no Viveiro Municipal, todas foram doadas. Inclusive, das mudas que ficaram, saíram muitas outras estacas. Na ocasião, doei cem estacas para a Unicastelo, dez para Unesp de Ilha Solteira. Duzentas foram para Mira Estrela, 40 eu mesma levei para a APROFISA de Ilha Solteira. 260 estacas, doei para uma amiga que plantou para cobrir um alambrado de 100 metros de uma chácara. Isto em 2007. Em 2008, enviei umas 80 para Suzano, umas 150 para Lins, 420 para Votuporanga, umas 70 para a Horta Municipal daqui mesmo, 19 para Macedônia. Muitas outras para diversas pessoas. Moringa Oleifera. Enviei sementes para Promissão, Ilha Solteira, Suzano, Lins. Sobre a moringa: Moringa oleífera é versátil e com potencial em horticultura.
Astrapéia: Não é planta comestível, ela tem lindas flores, serve para plantar nas calçadas, de muita utilidade na apicultura, floresce na época de escassez de mel, em julho/agosto/setembro. Eu não tenho a planta em casa, colho estacas dos amigos e envio para os interessados. As estacas são fáceis de pegar.
Amor Agarradinho(antigonum leptopluz) também é uma trepadeira com lindas flores, florecem o ano todo, ajudando na apicultura em épocas de escassez.
Foi acontecendo, por acaso. Assisti no Globo Repórter sobre a moringa e fui procurar, na CATI. Me informaram que tinha no Pólo Regional e fui buscar, ganhei sementes e folhas. Quando vi a Ora Pro Nobis, liguei no Pólo novamente, eles não tinham no momento, mas me trouxeram mudas de suas terras. Ganhei tantos, fiz muitas amizades, aprendi tantas coisas. Comecei a distribuir timidamente, de repente, conheci mais pessoas, tive mais informações, e lá estava eu nesse turbilhão de troca de sementes e mudas. É como o colecionador de orquídeas, fica trocando mudas, e tem uma turma seleta. Eu conheci muita gente que coleciona pereskias, todos eles fazem doação de mudas, direcionam para trabalhos sociais. A dengue foi um acidente de percurso,comecei a fazer trabalho porque desejo que este flagelo desapareça da face da Terra. É muito sofrimento, pessoas perderam seus filhos, perderam emprego por estarem doentes. Eu acho que esta doença, por ser nova, não tem Legislação que dá direito a Atestado Médico. Também, tem pessoas que passam com a forma leve.Muitas pessoas me relataram que sofreram muito, "quase morri", disseram. O empregador que não teve nenhum caso de dengue na família, não compreende porque uma pessoa não consegue trabalhar e tem demitido. Tem muitos casos que a pessoa passa muito mal, por muitos dias, é bem pior que a virose. Deixa a pessoa prostrada. É uma doença injusta. Para piorar, o mosquito virou bichinho doméstico, difícil acabar com ele,ao menor descuido, vira epidemia. Eu já tive as duas formas da dengue, por enquanto, estou imune ao sorotipo decorrente, mas, se descuidarem, ainda corro risco de vida, do terceiro sorotipo vir do Rio de Janeiro. Por Ioshiko Nobukuni nobukunister@gmail.com

11 comentários:

Márcia Regina disse...

Comentário enviado por e-mail pelo Dr. ROGÉRIO SOARES DE FREITAS que solicitou fosse publicado aqui. Segue o comentário Apenas transcrito como foi enviado.

Prezados,

O trabalho da NOBUKUNI é realmente notável. Sou pesquisador da apta e acompanhei de perto seu empenho e sucesso. Não tenho dúvida que está nela muitas das qualidades que um pesquisador de sucesso tem.
Grande abraço,



ROGÉRIO SOARES DE FREITAS
Pesquisador Científico - Fitotecnia e Exploração Vegetal
Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios
Pólo Regional do Noroeste Paulista
Estrada Municipal Votuporanga-Floreal
C. Postal 61 - Cep: 15500-970
Votuporanga/SP
Fone/fax: (17) 3422-2423
DO GRANDE GÊNIO DA ARQUITETURA - OSCAR NIEMEYER - "MAIS DO QUE ARQUITETURA, O QUE VALE SÃO OS AMIGOS, A VIDA E ESSE MUNDO INJUSTO QUE TEMOS DE MUDAR" "

Márcia Regina disse...

O trabalho dos pereskianos está a cada dia mais reconhecido e respeitado. Parabéns a todos, a verdadeira caridade não consiste em dar o peixe, mas em ensinar a pescar, dar o anzol, a vara e a isca. Assim deve agir o verdadeiro cristão.

Alcione Sousa disse...

OI Marcia
Muita Paz
Quanto mais viajo nesse teu Blog mais adimiroteu empenho
Parabens
Alcione

Shemina disse...

Oi quero me tornar uma pereskiana , já cultivo ora pro nobis, gostaria de indicações em Minas Gerais de onde posso conseguir sementes e mudas, principalmente do Amor Agarradinho, um abraço, Shemina.

Léria's trico & croche disse...

Oi Marcia!
Seu blog é muito legal mesmo, ainda mais se tratando de saúde. Gostaria de saber como se cultiva essa planta tao maravilhosa...e eu como uma boa mineira nao poderia deixar de tê-la nos meus vasos e tambem aqui no meu condominio. Sou de Guarulhos-SP. Deus te abençoe, sucesso na sua caminhada e um abrço.Léria.

raqueloli12345 disse...

OLA TUDO BEM,GOSTARIA DE SABER;QUANTO TEMPO LEVA DEPOIS DE PLANTADA O ORA PRO NOBIS PRA FLORESCER UM ABRAÇO RAQUEL.

av disse...

AMEI SABER SOBRE ESSA PLANTINHA...
GOSTARIA DEMAIS DE UMA MUDA...
PAZ E BEM.

Conta Coisas disse...

Olá

Sou português e gostava de participar dessa onda preskiana.
Seria possível um envio para Portugal?
Abraço solidário
friaspereira@gmail.com

ivony_frade disse...

Lindo seu trabalho, amei é muito legal mesmo, gostaria de saber como se cultiva essas plantas tao maravilhosa... e como consigo a semente ou a muda de ""Ora Pro Nobis"" e tbm de todas essas plantas q vc cita ser ótima para a apicultura em épocas de escassez e com certeza irei divulga las e passar pra frente estas informações...
Bjs.
vony_45@hotmail.com

Paulo Gaspar disse...

Obrigado pelo comentário sobre a dengue que você postou em meu blog.
Aproveito o ensejo para parabenizá-la pelo nível de seu blog!
Atenciosamente e agradecido,
Paulo Gaspar - http://www.uniaoagora.com

RiCáBarros Ayurveda disse...

olá! Gostei muito das informações que aqui encontrei. Adorei ler o seu blog.
vi que vc faz doações de ora pro nobis, será que ainda faz? Gostaria de saber. Se ainda faz as doações, gostaria de me candidatar a receber mudas para cultivar, sou vegetariana e gostei muito de saber que posso ficar mais saudável comendo mais verde!!!!

grata

RiCá

Related Posts with Thumbnails